Marshall: Igualdade e Justiça… um filme para reflexões sobre o racismo

Inspirado em uma história real, Marshall: Igualdade e Justiça é sobre a trajetória do advogado Thurgood Marshall, que se tornou o primeiro juiz negro a ocupar um lugar como associado, na Suprema Corte dos EUA, no final da década de 60.

No filme que está no catálogo da Netflix, Marshall é vivido pelo ator Chadwick Boseman (de Pantera Negra que morreu no ano passado). A narrativa é sobre um jovem advogado afro-americano que na década de 40, luta contra a segregação racial e viaja pelo país defendendo negros injustiçados e presos inocentemente.

Ao ser designado para defender Josepho Spell, um motorista preso, acusado de estupro por sua ex-patroa, uma dama branca da sociedade americana, doutor Marshall é proibido de atuar no caso por ser negro. Com isso, ele é obrigado a contratar um colega branco, que nem é criminalista. O juiz (também branco e racista) da Corte onde o caso está sendo julgado, o impede de falar no tribunal.

Mas o habilidoso advogado usa uma tática inteligente. Treina o seu representante e o ensina como arguir, na defesa de Spell e consegue, com genialidade, provar a inocência de seu cliente.

– Sem dúvida, um filme muito apropriado para o momento atual em que ainda lutamos para combater o racismo aqui no Brasil e no mundo.

Confira o trailer (legendado), mas o filme é todo dublado…

*Crédito da Imagem: Reprodução JC Santana

Deixe Seu Comentário (digite abaixo)

%d blogueiros gostam disto: