PM fecha fábrica clandestina de ‘espadas’ em Cruz das Almas

A Polícia Militar divulgou fotos de material apreendido numa fábrica clandestina de ‘espadas’ (fogo de artifício feito de bambu), na cidade de Cruz das Almas, no Recôncavo da Bahia, nesta sexta-feira (29). O local foi fechado e os responsáveis conduzidos para a delegacia.

De acordo com a PM, a apreensão fez parte de uma “Operação que visa coibir o comércio ilegal de espadas antes do período junino“. Em Cruz das Almas, centenas ou milhares de pessoas, fabricam, comercializam e ‘tocam’ as referidas ‘espadas’, no decorrer do mês de junho. Sendo o ponto alto, durante a festa de São João.

Apesar de ser um espetáculo bonito e uma tradição de décadas na cidade, desde 2011, após uma ação movida no Ministério Público Baiano, a Vara Criminal do município proíbe a fabricação e a ‘guerra’ do artefato (momento em que os tocadores se encontram para acendê-lo e lançá-lo pelas ruas), pelo grau do risco que causa à vida das pessoas.

Segundo a SSP, a fábrica foi descoberta por equipes da 27ª Companhia Independente da PM, que apreenderam: seis sacos e uma caixa de pólvora, 304 espadas de bambu, cinco aparelhos celulares, além das ferramentas utilizadas para a confecção do produto.

Fomos informados sobre o local e o nosso subcomandante, capitão Danilo, juntamente com outros integrantes da unidade, foi averiguar. As equipes confirmaram o que foi repassado na denúncia e desmontaram o espaço ilegal“, explicou o major Edicarlos da Costa, comandante da 27ª CIPM.

.

*Crédito das Imagens: Reprodução Divulgação

Deixe Seu Comentário (digite abaixo)

%d blogueiros gostam disto: